EQUIPA

 


Filipa Lopes

Médica-veterinária pela Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade de Lisboa (FMV-UL). Directora clínica do CERAS (Centro de Estudos e Recuperação de Animais Selvagens de Castelo Branco) e do CRASSA (Centro de Recuperação de Animais Selvagens de Santo André). É colaboradora da Quercus (Associação Nacional de Conservação da Natureza) em todos os projectos do Núcleo Regional de Castelo Branco, incluindo nos Projectos Linhas Eléctricas e Avifauna e Life LINES. No âmbito do Projecto Life LINES participa no trabalho de campo de prospeção das linhas eléctricas, nomeadamente promovendo a colaboração de voluntários no projecto, e realiza as necropsias forenses dos cadáveres encontrados.


Paulo Alves

Licenciatura em biologia pela Universidade de Évora e curso de Especialização em Gestão e Conservação de recursos Naturais pela Universidade de Évora/Instituto Superior de Agronomia. Bolseiro de investigação na UBC (Universidade de Évora) ligado ao projeto MOVE. Colaborador do Núcleo Regional de Castelo Branco da QUERCUS nos projetos Linhas Elétricas e Aves, CERAS (Centro de Estudos e recuperação de Animais Selvagens) e Monte Barata, presentemente colabora no projeto Life Lines sendo responsável pelo trabalho de campo de prospeção e monitorização das linhas elétricas onde será implementada uma nova estrutura (eco-esteira horizontal) que visa diminuir a mortalidade de aves causada pela colisão e eletrocussão com linhas elétricas de média tensão.